?

Log in

12 June 2007 @ 08:31 pm
Há um ano atrás, você já era parte essencial da minha vida. As coisas tomaram rumo, eu entrei na faculdade, me enrolei bizarramente em mil projetos, mas uma coisa não mudou: você ser parte essencial da minha vida. Aquele post que fiz ano passado, no dia dos namorados, fato que era pra você e que todo mundo sabia que era pra você, mesmo sem rótulo.

Eu estou com problemas aqui, que PRECISO contar pra você, compartilhar, ou explodo... Estou atolada, mas mesmo assim não podia deixar as duas datas em branco. Pode não ser a coisa mais perfeita e fofa do mundo, mas eu acho que uma única frase sempre resumiu e continua resumindo melhor que meus textos prolixos o que eu sinto por você:

EU TE AMO
Tags:
 
 
08 February 2007 @ 11:40 pm
*cantando e segurando um bolo*

Feliz aniversário!
Que tudo esteja Azul!
Tu é muito gente fina!
Bacana pra chuchu!!! =D

Parabéns amoreeeeeeeeeeeeee! \o/
Te amo! *_*fox

=****************

(essa música toca na Nova Onda do Imperador, só para constar xD)
 
 
04 February 2007 @ 10:33 pm
... Eu me perdi na conta mas eu SUPER me lembrei que dia 4 é sempre aniversário de algum mês da gente. u.uV

Eu também não lembro qual foi o mês pra refazer a conta (sabe, super me perco se é Junho ou Julho ou whatevah) e com TPM e DDA, não se pode esperar algo muito melhor do que lembrar que é dia 4. Até porque, convenhamos, falando isso todo mês, se eu esquecer, vou ser MUITO Dory xP

Mas well, mesmo desmemoriada, podendo me apresentar com um "Oi, eu sou a Dory", tendo sérios lapsos na hora de lembrar datas e problemas graves pra fazer míseras contas como "Há quantos meses atrás mesmo, hein?", uma coisinha assim, boba, sua ruiva surtada não esquece de dizer:

Eu te amo, Léo.
Feliz *insira número* meses, amor. *_*
 
 
28 January 2007 @ 12:00 am
Estou há mais de duas horas tentando fazer um post à altura da data porque se há 22 anos atrás ele nasceu, hoje é -provavelmente- um dos top5 dias mais importantes do meu calendário. Mas parece que mesmo sendo (tá, querendo ser) escritora, as palavras me faltam quando o assunto é importante.

Imagine só que você tem um notepad aberto na tela do seu computador e precisa, naquele espaço, escrever algo que consiga expressar ao menos parte de seus sentimentos. Imaginou? Parece fácil, eu sei. Eu mesma sou craque eu abrir um notepad e sair metralhando meu teclado. Mas agora, pra falar dele ou pra falar o quanto eu quero que ele seja feliz (afinal, se tem um dia que eu posso ser piegas e desejar tudo que eu quero que ele consiga ter, esse dia é hoje!) ou pra falar do quão importante ele se tornou e de como eu nunca, jamais, em tempo algum (mesmo!!) poderia imaginar que um 28 de janeiro seria tão importante e esperado pra/por mim só por ser aniversário dele... Agora eu travo, justo agora que preciso metralhar o teclado, eu travo.

Talvez seja porque eu sou uma péssima escritora, mas no fundo no fundo, acho que vou ter que falar somente um "Parabéns!" e um "Feliz aniversário!" porque eu posso até tentar (como estou tentando), mas nenhuma palavra vai conseguir ser tão honesta ao expressar o que eu sinto e o que eu quero dizer.

Enfim, já que eu sou incapaz de dizer algo emocionante, romântico, fofo ou surtado, vou ser clichê:

Parabéns, Léééééééééo!!!!!
Espero que tudo de bom que você teve nesses 22 anos sejam coisas ínfimas perto do tanto de coisas boas que desejo que tenha ao longo de 2007 e do resto da vida (mas, fala sério, tenho outras tentativas pra fazer um post melhor nos outros anos, então considere só o 2007 xP) e que aconteçam um trilhão de coisas que te façam inserir raposinhas. xDDDDDD
Feliz aniversário, meu lindo.
Eu te amo e eu amo você.
=***********************
 
 
além das cortinas: rj ._.
nos fios: Vida - Chico Buarque
 
 
22 January 2007 @ 12:31 am
:$  
010101000110010100100000011000010110110101101111001011000010000001001100111010010110111100100001




And I miss you too.
 
 
 
04 December 2006 @ 12:27 am
SeiS2 meses desde àquele "eu te amo, e MUITO :$"
Seis meses de felicidade, mesmo nos piores momentos...
Seis meses de espera, porque há a certeza de tudo isso vai valer a pena...
Eu te amo e eu amo você.
Demais.
Feliz seis meses.

TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. TE AMO. (...)

Você sabe que sou péssima em conta, mas tentei colocar um TE AMO pra cada dia desses seis meses.... As reticências, são pelos milhares de seis meses que ainda virão.

Bump  © Kurt Halsey
As I drove home, I sighed at each and every one of the 363 miles between us.
 
 
28 November 2006 @ 01:51 pm
If I told you how I feel about you
Would you say the same and
If I wrote it in a letter
Would you keep it or throw it away

I never thought I'd feel the way I'm feeling lately
When everything you seem to do just drives me crazy


Every waking day you take my breath away
With every word you say you take my breath away

You look at me that way, baby come what may
I hope that you'll always know how to take my breath away
How to take my breath away

You told me how you feel about me
Cos I did not know

If you said you'd fill my heart with all your loving
Til it overflowed
I don't know the way you feel but boy I'm hoping
I always used to hide a way, but now I'm open

Every waking day you take my breath away
With every word you say you take my breath away

You look at me that way, baby come what may
I hope that you'll always know how to take my breath away
How to take my breath away

Take my breath away
Take my breath away
Take my breath away

Every waking day you take my breath away
With every word you say you take my breath away

You look at me that way, baby come what may
I hope that you'll always know how to take my breath away

How to take my breath away
(How to take my breath away)
Take my breath away
Take my breath away
(How to take my breath away)
Take my breath away
Take my breath away
Take my breath away
Take my breath away

Minä Raskatan Sinua! =*****
 
 
23 November 2006 @ 03:17 pm


Fonte: Binary Heart @ XKCD
Tags: , ,
 
 
além das cortinas: far away
 
 
29 August 2006 @ 03:26 pm
Sabe, não sei se você já viu aquele meu post com o treco do cartão. Lá, obviamente, eu não falei o que me deixou com medo, mas aqui, só pra você eu posso falar.
 
.the black parade.             .jepha howard. diz:
hum.. bem! \o~/ e vc?
Angel || REA || Rachel || Branden diz:
tudo wheeeeee \o/
mentira... não tô muito legal não, mas logo passa \o\
.the black parade.             .jepha howard. diz:
pode contar...ùú
(blá blá blá)
Angel || REA || Rachel || Branden diz:
não... eu aaaaacho que foi meu ex. ele outro dia disse que ainda me ama [???] e que não vai desistir de mim e que vai me separar do léo custe o que custar pq o léo me roubou dele e quem rouba ladrão tem perdão. ><"
eu tô com medo dele fazer alguma merda e o léo desistir de mim por causa disso ou achar que ainda tenho algo com ele ou alguma coisa assim e eu amo taaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaanto o léo que só a possibilidade dele tentar me separar do léo me machuca
.the black parade.             .jepha howard. diz:
fale isso pro léo... tipo, fala dessapreocupação sua o.o se algo acontecr ele vai entender
Angel || REA || Rachel || Branden diz:
eu não consigo explicar isso direito sem me sentir egocêntrica --" *gota*
.the black parade.             .jepha howard. diz:
aaaah...... não é egocentrismo ._.


E bom... é isso... Eu não consigo falar via MSN, me sinto egocêntrica demais por pensar isso *gota* e ainda mais de falar isso pra você. Mas você me conhece, você sabe que quando me bate essa coisa de ver/sentir que algo vai acontecer, eu não fico sossegada e preciso contar pra alguém, então voilà. Eu só queria mesmo que você soubesse que não importa o que ele faça (se vier mesmo a fazer algo) nem ele nem ninguém vai conseguir me fazer querer me afastar de você, nem ele nem ninguém vai conseguir apagar o que eu sinto por você porque sabe, ia ser preciso uma borracha MUITO grande pra isso e ela ainda não foi inventada =P
Então, por mais que possam vir a querer quebrar isso, no que depender de mim, você vai ter que aturar essa ruiva aquariana surtada, noiada, chata, carente, melosa, boba e doida que vos fala por bastante tempo. Bastante assim... MESMO!  òó *o* xDDDDDDDDDDDDDDD

Porque eu te aaaaaaaaaaaamo *saltita, pula, agarra, abraça e eeeeeeeeeeeeeenche de beijos*
Demaaaaaaaaais *o*

"Go east on Sunrise Highway
Turn left at Carmen's Avenue
Go right at the first stoplight
And I'll be outside waiting for you
Ohh, I'll be waiting for you"


I'll ALWAYS be waiting for you just like I've been.
 
 
além das cortinas: future old home
nos nervos: worried
nos fios: soco amaretto lime ~ brand new
 
 
19 August 2006 @ 02:42 pm
As pessoas precisam aprender a deixar o passado no passado pra não me fazerem sofrer por fazer os outros sofrerem isso ficou egoísta? oõ'

Afinal, quem eu amo, o único que conseguiu ocupar todo o espaço em tempo integral, sem dar qualquer chance pra outra pessoa tentar ter um espacinho... É você e só você. E sem medo eu falo "pra sempre você" porque eu não sou babaca e não vou deixar você escapar de mim tão fácil. Ouviu? òó *finge que é seme* XD

Eu te amo tanto, que nem dói. É só paz e felicidade.
Não sabia que dava pra amar assim, tão... certo.


Obrigada, Léo. Por tudo.
 
 
além das cortinas: far away
nos nervos: sick